O marketing digital pode ser fundamental para pequenas empresas. Entenda como executar estas estratégias no seu negócio e decolar na internet!

O marketing digital para pequenas empresas é fundamental para o crescimento dos negócios. Portanto, hoje vamos te mostrar como uma empresa de pequeno porte pode aproveitar todas as possibilidades do marketing digital para aumentar suas vendas e encantar seus clientes!

Qual é a importância do marketing digital para pequenas empresas?

Marketing digital é o nome usado para definir todo o conjunto de estratégias de marketing criadas no ambiente digital.

No passado, o marketing era feito apenas de forma offline, com materiais físicos como banners, cartazes, outdoors e, além disso, também existiam propagandas em meios como jornais impressos, rádio e televisão. 

Os meios de marketing do passado demandavam um grande investimento em publicidade e, dessa forma, apenas empresas com grandes orçamentos fossem capazes de fazer campanhas de marketing. No entanto, com o marketing digital isso mudou, e hoje qualquer empresa pode usar o marketing digital para comunicar seus produtos. 

Portanto, o marketing digital se tornou um meio democrático e econômico para que pequenas empresas também possam anunciar seus produtos, usando a internet. Dessa forma, o marketing digital se tornou essencial para pequenos comerciantes, pois é a forma mais rápida e mais prática de entrar em contato com novos clientes. 

Presença online

Hoje em dia, a presença online se tornou quase obrigatória para quem quer vender. Segundo dados da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm), cerca de 150 mil lojas começaram a fazer vendas online em 2020. Portanto, isso mostra como a concorrência no mercado está aumentando cada vez mais sua presença no mundo virtual.

Com isso, empresas de todos os segmentos estão consolidando sua presença no ambiente online, e esse trabalho é feito por meio do marketing digital. Portanto, as estratégias de marketing digital vão ser a forma como as empresas se destacam da concorrência, e se mostram mais atrativas e inovadoras para os clientes. 

Alcance de maior número de potenciais clientes

No ano de 2020, por exemplo, as vendas online no Brasil dispararam. Segundo dados da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm), cerca de 20.2 milhões de pessoas fizeram uma compra online pela primeira vez no ano passado. 

Isso mostra o potencial gigantesco que as pequenas empresas que investirem em marketing digital têm de atingir novos clientes, que cada vez mais optam por fazer suas compras de forma virtual. O marketing digital se torna, então, indispensável para ter contato com esses novos consumidores.

Fideliza clientes

Conquistar novos clientes não deve ser o único foco de uma empresa que aposta em marketing digital. Acima de tudo, a fidelização de um cliente é tão importante quanto conseguir uma nova venda. Clientes que criam uma relação de fidelidade com as empresas tendem a comprar de forma mais frequente, além de indicar os seus serviços para colegas e familiares. 

Por isso, é importante que uma estratégia de fidelização de clientes esteja bem definida dentro do seu plano de marketing digital, pois a fidelização garante que o seu cliente vai continuar optando por você, e não pela concorrência. 

Mede resultados

Métricas são uma parte essencial do marketing digital. Uma boa ação de marketing é aquela que pode ser medida e analisada após acontecer. Os dados são os melhores amigos dos profissionais de marketing, pois somente com informações precisas é possível entender se a sua estratégia está entregando os resultados esperados. 

Sem a medição de resultados, sua empresa pode acabar investindo nas estratégias erradas, perdendo tempo e dinheiro e afastando potenciais clientes. Portanto, lembre-se sempre de incluir a análise de dados e métricas no seu plano de marketing digital

Credibilidade da marca

A credibilidade é uma dos grandes diferenciais que você vai ter dos seus concorrentes. Em outras palavras, marcas em que as pessoas confiam têm chances muito maiores de ter clientes regulares, e que divulgam de forma espontânea a sua loja para outras pessoas. 

É bastante frequente vermos pessoas que só compram de marcas em que confiam, mesmo que isso signifique pagar mais caro. As estratégias de marketing digital estão totalmente conectadas com a credibilidade da sua marca, pois é através delas que os seus clientes vão estabelecer vínculos emocionais com o que a sua marca representa, e escolher comprar produtos que você tem a oferecer. 

Estratégias de marketing digital para pequenas empresas

Existem muitas estratégias de marketing digital que podem ser implementadas em pequenas empresas. É importante que você se lembre aqui de que a sua empresa não precisa necessariamente fazer todas no começo. Busque entender quais dessas estratégias fazem mais sentido para o seu negócio e, principalmente, para o seu público. 

SEO

SEO ou Search Engine Optimization é um conjunto de técnicas utilizadas para otimizar páginas da internet para mecanismos de busca, como o Google. Essas técnicas, quando utilizadas da forma correta, fazem com que o site da sua empresa tenha um rankeamento melhor nos mecanismos de busca, ou seja, apareça nas primeiras posições da página. 

Vamos supor que você venda roupas na sua loja. Se o seu site seguir todos os princípios de SEO, as chances de que a sua loja apareça entre as primeiras quando alguém busca pelas palavras-chave “loja de roupas” é maior. É claro que o SEO envolve muita pesquisa, estudos e conhecimento das técnicas. 

O Google inclusive vem exigindo que as empresas apostem cada vez mais em técnicas de marketing que foquem na experiência do usuário. Em 2021, o Google lançou os Core Web Vitals, que são métricas similares às de SEO, mas que têm como objetivo medir se o seu site tem as condições necessárias para garantir uma boa experiência de navegação para o usuário. 

Marketing de conteúdo

O marketing de conteúdo é uma das estratégias mais conhecidas do marketing digital. Basicamente, consiste em criar conteúdos que sejam relacionados com o seu negócio, para atrair seus clientes a consumir aquele material de forma espontânea e natural. 

No passado, as propagandas costumavam falar exclusivamente sobre o produto que estava sendo anunciado, o que na era da internet se tornou tedioso e pouco atrativo. Os usuários do ambiente digital não querem perder tempo com propagandas, e sim consumir conteúdos úteis e interessantes.

Por isso, o marketing de conteúdo, também conhecido como inbound marketing, vem para atender a essa tendência, transformando as informações da sua empresa em textos de blog, vídeos, infográficos, podcasts, e até mesmo memes para que o seu cliente se sinta atraído a conhecer mais sobre a sua empresa. 

A ideia é que, após consumir o seu conteúdo e ficar interessado, o potencial cliente decida se tornar um lead. Em outras palavras, isso significa: entregar os dados dele para a sua base de contatos (e-mail, telefone, região onde mora, etc), em troca de mais conteúdo, como materiais mais aprofundados, e-books, webinars, ou até mesmo cupons de desconto e vantagens especiais no seu site. 

E-mail marketing para pequenas empresas

Os e-mails marketing normalmente são utilizados quando você já possui uma base de e-mails dos seus leads. Com e-mails marketing, você pode enviar informações mais detalhadas aos seus potenciais clientes para que eles se interessem cada vez mais pelo seu produto. 


Você pode enviar newsletters sobre a sua empresa, conteúdos exclusivos, links de desconto e outras promoções em e-mails marketing. Mas, tome muito cuidado! O email marketing deve ser usado com equilíbrio e de forma estratégica. Uma boa dica aqui é utilizar plataformas de automação de e-mails marketing, onde você pode controlar toda a sua estratégia e medir resultados.  

Um volume grande de e-mails marketing em pouco tempo, ou conteúdos entediantes ou irritantes podem fazer com que os leads peçam para se descadastrar da sua base de dados ou marcar o remetente da sua empresa como spam. Por isso, seja cauteloso para criar seus e-mails marketing. 

Rede social

As redes sociais se tornaram o grande território do marketing digital para pequenas empresas.

Nelas, sua empresa pode criar as mais variadas estratégias de marketing de conteúdo, divulgar links para os produtos, novidades, curiosidades e todo tipo de informação sobre a sua empresa que seja relevante para os clientes. Porém, assim como qualquer estratégia de marketing digital, as redes sociais exigem muito planejamento para serem usadas.

Primeiro, identifique em quais redes faz sentido a sua empresa estar, e foque naquelas que realmente são as mais usadas pelo seu público. Uma loja de roupas e acessórios, por exemplo, pode estar em redes como Instagram, Facebook e TikTok, que têm conteúdos mais descontraídos e bastante visuais. 

Já uma empresa B2B de desenvolvimento de softwares empresariais pode focar mais esforços no Linkedin, por exemplo, se aproximando de profissionais da área e executivos que podem ser potenciais clientes. Busque saber quem é o seu público para, então, criar a sua estratégia de redes sociais. 

Os links patrocinados são os anúncios que costumamos ver em mecanismos de busca como o Google.

Esses links funcionam como conteúdos pagos (estratégia que também pode ser usada nas redes sociais), no entanto, são feitos dentro de mecanismos de busca e podem ser uma boa estratégia para atrair mais tráfego para o seu site. 

Com links patrocinados, você pode aumentar o número de visitantes da sua página, e consequentemente fazer crescer as vendas da sua empresa. Entretanto, antes de investir grandes quantias do seu orçamento em links patrocinados, é importante fazer testes e descobrir quais abordagens funcionam, melhor dependendo do seu tipo de público e do seu negócio. 

Desafios de implementar o marketing digital para pequenas empresas

O marketing digital tem muitas vantagens para as empresas mas também apresenta muitos desafios. Um deles, muitas vezes, é a falta de foco da empresa em entender quais estratégias de fato são eficazes para o seu negócio. 

Muitos empreendedores às vezes acabam perdendo tempo e recursos tentando implementar o maior número possível de ações de marketing digital, o que acaba fazendo com que essas ações não sejam aprofundadas ou tenham erros em detalhes específicos. 

Procure começar aos poucos e testar muito, para entender o que faz sentido para o seu negócio. Atualmente, a concorrência na internet está cada vez mais acirrada, por isso um marketing digital objetivo, com metas claras e mensuráveis pode ser um grande diferencial para que você tenha resultados melhores que o seu concorrente. 

Dicas para implementar o marketing digital para pequenas empresas

Algumas dicas fundamentais para implementar o marketing digital para pequenas empresas são: 

  • Conheça sua persona: estude seu público e saiba exatamente para quem você quer vender;
  • Planeje e tenha organização: estruture um bom planejamento de marketing digital antes de começar e, dessa forma, evitar erros e problemas futuros na sua empresa;
  • Não tente copiar tudo o que o seu concorrente faz: seja inovador e busque ter originalidade nas suas ações. Seus clientes, acima de tudo, querem ver coisas novas!
  • Não desista! Marketing digital tem tudo a ver com testes, por isso não se assuste se suas primeiras ações não tiverem resultados grandiosos. Faça novos testes, implemente melhorias e tenha confiança na sua estratégia!