Os motores de buscas, ferramentas de pesquisa ou mecanismos de pesquisas, são sistemas que unem todas as informações da internet proporcionando por meio de algoritmos as melhores respostas feitas pelos usuários. Os mecanismos mais conhecidos são, Google, Bing e Yahoo.

É praticamente automático: assim que surge uma dúvida ou precisamos obter alguma informação, instantaneamente, recorremos ao Google. Não por acaso, quando falamos em motores de busca, o Google figura como o primeiro da lista hoje. 

Mas, apesar de ser a ferramenta mais popular da internet nesta frente, ele está longe de ser a única. Existem muitos motores alternativos de busca que, certamente, precisam estar no radar de quem trabalha com Marketing Digital e tem o SEO (Search Engine Optimization) como uma das principais estratégias.

Antes de falarmos sobre eles, vale explicar um pouco mais sobre o funcionamento dos motores de busca, certo?

O que são motores de busca?

Utilizados para encontrar os mais diversos tipos de informações, os sites de buscas atuam por meio de rastreadores, que varrem a internet à procura de novos conteúdos ou da atualização deles. Por outro lado, os conteúdos encontrados são cadastrados na base de dados da plataforma para que possam ser localizados pelos usuários a partir de palavras-chave relacionadas. 

Na prática, os motores de busca na internet são capazes de solucionar praticamente qualquer dúvida em poucos segundos. Basta digitar o que você quer saber na barra de pesquisas, pressionar ENTER e pronto! Automaticamente, surgirão diferentes opções de conteúdos referentes à sua dúvida na tela do seu dispositivo. 

Vale lembrar que os resultados que aparecem para quem está realizando a pesquisa são elencados de acordo com o que é considerado mais relevante a partir das palavras digitadas pelo usuário. 

Como os motores de busca funcionam?

Se você possui um site ou blog é muito importante aparecer nos resultados de pesquisa, principalmente no Google, sendo extremamente relevante entender como que os mecanismos de pesquisa funcionam para que você aplique técnicas de SEO e apareça sempre quando alguém fizer pesquisas relacionadas aos assuntos, produtos ou serviços que você oferece.

Crawl: os mecanismos de pesquisa usam um “spider” para “crawlear” as páginas web;

Banco de dados: as páginas rastreadas são indexadas no banco de dados dos mecanismos de pesquisa;

Pesquisa dos usuários: quando alguém faz a pesquisa no Google, bing ou Yahoo, as engrenagens engrenam para trazer os melhores resultados para aquela determinada pesquisa;

Robô: os robôs navegam pelo índice do banco de dados buscando as melhores respostas para o usuário, se baseando em uma infinidade de cálculos para trazer a melhor opção;

Resultados de pesquisa: depois de todos os processos definidos é apresentado uma lista com as melhores resposta resultando na lista de pesquisa do Google e os demais mecanismos de buscas.

Agora que você já sabe o que são motores de busca e como eles funcionam, chegou a hora de conhecer a lista que preparamos com os seis principais sites de buscas do mundo. Na sequência, você poderá conhecer as características e as vantagens de cada um deles, assim, fortalece ainda mais as estratégias de Marketing de Conteúdo do seu negócio. 

1. Google

Apesar de dispensar apresentações, não poderíamos deixar o Google de fora desta seleção, não é mesmo? Como dissemos anteriormente, o Google figura como o motor de busca mais popular da internet ao nível mundial hoje.

Para ter uma ideia, o StatCounter, site dedicado à análise de tráfego da web, apontou que o Google obteve uma participação superior a 90% no mercado de mecanismos de pesquisa em 2020. Em abril de 2021, essa porcentagem chegou a 92,24%.

Os dados confirmam que a grande maioria das pessoas recorre ao Google quando precisa encontrar algo. O Internet Live Stats, por exemplo, estima que o site processe uma média de mais de 40 mil consultas por segundo, o que se traduz em acima de 3,5 bilhões de pesquisas diárias e 1,2 trilhão de buscas anuais por todo o globo. 

As estatísticas não deixam dúvidas: estar bem posicionado no Google é fundamental para as empresas que desejam ter serviços ou produtos encontrados na internet.

2. Bing

Segundo a análise do StatCounter, o Bing se destaca como o segundo site mais utilizado no mundo quando o assunto são motores de busca. Anunciada pela Microsoft, em 2009, a ferramenta veio para substituir o Live Search e conseguiu alcançar um bom número de novos usuários.

Apesar de o layout ser um pouco diferente, o Bing possui termos de funcionalidades muito semelhantes aos do Google, disponibilizando aos usuários recursos internos, como conversores de moedas, tradução e rastreamento de voos.

Outro recurso bem legal deste buscador é o Modo de Doação, que pode ser ativado por meio do Microsoft Rewards. A partir dele, as pesquisas do Bing geram pontos, que são convertidos em doações para organizações sem fins lucrativos.

3. Yahoo!

Após os motores de busca Google e Bing, o terceiro site da nossa lista é outro grande conhecido da rede. Afinal, mais que um buscador, o Yahoo também disponibiliza serviços como e-mail, notícias e jogos.

No quesito mecanismo de busca, o Yahoo conta com uma plataforma um pouco mais simples que as opções listadas anteriormente, mas oferece bons resultados de imagens e informações sobre os mais variados temas.

Vale dizer que Yahoo Search é o motor de busca padrão do navegador Mozilla Firefox, o que certamente contribuiu para que ele ocupasse a terceira posição no ranking dos mecanismos de pesquisa mais utilizados no mundo.

Para quem se pergunta qual o primeiro motor de busca brasileiro e porque ele não está nesta lista, aí vai uma informação extra: o “Cadê?”, desenvolvido pelos estudantes de engenharia elétrica, Gustavo Viberti e Fábio de Oliveira, foi um verdadeiro marco dos anos 90 ao se tornar o primeiro buscador do país. O sucesso foi tanto que logo o serviço foi comprado pelo Yahoo, em 2002, e passou a se chamar “Yahoo Search”. 

4. Baidu

Conhecida como o “Google da China”, a Baidu foi fundada por Robin Li e Eric Xu em 2002. Apesar de contar com diferentes serviços, como plataformas de mapas e notícias, a empresa se destaca pelo motor de busca, que figura, hoje, como o número um na China.

Apesar de ser bastante semelhante ao Google em termos de design, o Baidu é fortemente censurado para atender às rígidas leis do país asiático. Lembrando que o buscador chinês não opera mais no Brasil desde 2018, quando decidiu encerrar totalmente as operações no país.  

5. Yandex

Apesar de o Google ser o buscador queridinho em boa parte no mundo, na Rússia, essa realidade é um pouco diferente. Por lá, o Yandex representa mais de 60% de todas as buscas realizadas.

Com mais de 20 anos de história, o mecanismo de busca russo permite que os usuários pesquisem sites, imagens, vídeos e notícias. Além disso, por ter sido criado especificamente para este público, o Yandex é considerado a melhor opção para pesquisas em língua russa.

É importante mencionar que, diferentemente do Google, ele leva em consideração a distância entre as palavras e a relevância dos documentos para apresentar os resultados de busca aos usuários. 

6. DuckDuckGo

Para encerrar a lista de motores de busca, resolvemos trazer uma ferramenta que tem chamado a atenção por entregar mais privacidade no mundo on-line: o DuckDuckGo. Além de não apresentar anúncios, ele não coleta informações do usuário e nem faz armazenamento dos históricos de pesquisa.

Segundo a própria empresa, que está sediada na Pensilvânia, o DuckDuckGo é especialmente indicado para quem está cansado de ser rastreado e quer retomar o controle das informações pessoais.

Por que você deve conhecer os motores de busca e outras ferramentas?

Como você pôde acompanhar, existem diversas opções de motores de busca na internet. As seis ferramentas que mostramos até aqui são, na verdade, apenas uma amostra deste vasto universo.

Para quem trabalha com Marketing Digital, estar por dentro do top motores de busca é fundamental, especialmente quando se procura novas oportunidades de alcançar as melhores posições nestes sites. 

Ir além do Google e conhecer mais sobre as particularidades de cada ferramenta de pesquisa disponível na internet são práticas recomendadas para traçar boas estratégias em SEO para a sua empresa.

Mas vale lembrar que, quando falamos em otimização para motores de busca, também há uma infinidade de soluções que podem te auxiliar na missão de alcançar posições de destaque nos buscadores, incluindo desde ferramentas para tarefas específicas até algumas que abordam todo o escopo das estratégias.

Entre eles, estão planejadores de palavras-chave, sistemas que monitoram o volume de buscas, soluções para análise da performance de sites e muitos outros.  Se você quer se aprofundar ainda mais no assunto, recomendamos que clique aqui e confira um conteúdo completo que preparamos sobre as ferramentas indispensáveis para quem quer subir de posição em sites como o Google.

Continue acompanhando o blog da HostGator para mais conteúdos sobre tecnologia, negócios e marketing!