Saiba mais como o protocolo SMTP funciona na prática e quais são as principais características dele com a HostGator.

O protocolo SMTP é o responsável por garantir que os e-mails que você envia diariamente cheguem aos destinatários. O objetivo principal é configurar regras de comunicação entre servidores, já que eles têm uma forma específica de se identificarem e anunciarem que tipo de comunicação estão tentando realizar.

Este protocolo de comunicação padrão da internet possui dois componentes, o agente de usuário (o cliente SMTP) e o agente de transferência de correio (o servidor SMTP). A logística é similar a uma agência de Correios. Enquanto o agente do usuário prepara a mensagem, cria o envelope e coloca a mensagem ali, o agente de transferência de correio (MTA) transfere a correspondência, mas pela internet.

Alguns sistemas amplamente utilizados hoje em dia, como o Gmail, possuem protocolos próprios de transferência de e-mail, mas ainda usam o SMTP para enviá-los. Por esse motivo, vale a pena entender melhor como funciona o protocolo SMTP e para que ele serve. Neste artigo, você saberá mais sobre isso! 

O que é protocolo SMTP?

O Simple Mail Transfer Protocol (SMTP), ou seja, Protocolo de Transferência de Correio Simples é a tecnologia que permite que e-mails sejam enviados de um servidor para outro até serem entregues na caixa de correio.

Em outras palavras, o SMTP é um protocolo de internet que conecta máquinas e ajuda a transportar o e-mail, como um carteiro virtual. Ele faz parte da camada de aplicação do protocolo TCP/IP. 

Às vezes, este protocolo é emparelhado com IMAP ou POP3 (por exemplo, por um aplicativo de nível de usuário), que lida com a recuperação de mensagens, enquanto o SMTP envia mensagens a um servidor para encaminhamento.

Usando um processo chamado “armazenar e encaminhar”, o SMTP transfere o e-mail enviado pelas redes até o destinatário. Ele funciona em conjunto ao Mail Transfer Agent (MTA) para enviar a comunicação para o computador e a caixa de entrada corretos. 

A função do protocolo SMTP é fazer com que a mensagem passe por todas as etapas necessárias. Para nossa sorte, tudo isso acontece nos bastidores, e não precisamos entender ou operar o SMTP.

Como funciona o protocolo SMTP?

Vamos supor que José faz parte da equipe de marketing de uma empresa de Florianópolis da qual Fernanda é cliente. O e-mail profissional é a principal ferramenta de comunicação entre eles. Assim, diariamente, eles precisam trocar informações via e-mail. O e-mail de José é [email protected], e o de Fernanda é [email protected] 

No começo do dia, José escreve uma mensagem para Fernanda em um aplicativo da Apple. Neste cenário, o protocolo SMTP é responsável por gerir os componentes. 

1 – Agente de usuário de José

Este é o aplicativo em execução no computador de José, usado para escrever, responder e ler mensagens de e-mail. José usa o aplicativo Mail da Apple em seu computador como agente de usuário.

2 – Servidor de correio de José

José tem uma conta de e-mail no Gmail. Isso significa que há uma máquina remota no domínio gmail.com que gerencia todas as mensagens de e-mail enviadas para ele. Esta máquina é encarregada de enviar mensagens de e-mail de José para outros usuários em outros servidores. O aplicativo em execução nessa máquina remota, o Gmail, é o servidor de correio. 

3 – Servidor de correio de Fernanda

Fernanda tem uma conta no Yahoo e envia suas mensagens por meio dessa máquina remota, da mesma forma que José. Dessa forma, o Yahoo é seu servidor de correio. 

4 – Agente de usuário de Fernanda

Fernanda usa o Microsoft Outlook como seu agente de usuário. Semelhante ao agente de usuário de José, este é o aplicativo em execução no computador de Fernanda, que permite que ela busque e-mails, escreva mensagens e as envie para seu servidor de e-mail para serem entregues posteriormente ao destinatário adequado.

A figura abaixo ilustra como funciona o trajeto do e-mail enviado de José para Fernanda diariamente. 

Por enquanto, vamos nos concentrar na comunicação que acontece entre o servidor de correio de José e o servidor de correio de Fernanda. Lembre-se que o SMTP é o protocolo que rege essa comunicação.

O percurso do protocolo SMTP

O trajeto do e-mail começaria com José abrindo o aplicativo Mail, fornecendo o endereço de e-mail de Fernanda ([email protected]), escrevendo a mensagem e clicando no botão “Enviar”. Em seguida, o Mail se comunica com o servidor de e-mail de José e, eventualmente, envia o e-mail para o servidor dele, onde está armazenado para ser entregue a Fernanda. 

Em seguida, o servidor de e-mail de José vê que há uma mensagem com entrega pendente para [email protected] Ele inicia uma comunicação com o servidor de e-mail Gmail para entregar a mensagem. É aqui que o protocolo SMTP entra em ação. 

SMTP é o protocolo que rege a comunicação entre esses dois servidores de e-mail. Em nosso cenário particular, o servidor de correio de José desempenhará a função de um cliente SMTP, enquanto o servidor de correio de Fernanda desempenhará a função de um servidor SMTP.

Após algum handshaking SMTP inicial entre os servidores de e-mail do Gmail e do Yahoo, o cliente SMTP envia a mensagem de José para o servidor de e-mail de Fernanda. O servidor de correio de Fernanda recebe a mensagem e a armazena na caixa de correio para que ela possa lê-la. 

Mais tarde, Fernanda usará o Microsoft Outlook para buscar mensagens de sua caixa de correio e, eventualmente, ler a mensagem de José. Com essa explicação em exemplos, ficou mais fácil de entender para que serve o protocolo SMTP, certo? 

Comandos do protocolo SMTP

Para resumir, o funcionamento de um servidor SMTP pode ser dividido em duas etapas. A primeira inclui a concessão de permissão para o processo e a verificação da configuração do computador por meio do qual um e-mail é enviado. Na segunda, ele envia a mensagem e segue a entrega bem-sucedida do e-mail. Se, por algum motivo, o e-mail não for entregue, ele será devolvido ao remetente.

O servidor SMTP entende comandos simples de texto. Os mais comuns são:

  • HELO: apresenta-se;
  • EHLO: apresenta-se e solicita o modo estendido;
  • RCPT TO: especifica o destinatário;
  • MAIL FROM: especifica o remetente;
  • DATA: especifica o corpo do e-mail.

Após o handshaking entre cliente e servidor, em que são fornecidas as identidades do remetente e do destinatário do e-mail, uma série de comandos se inicia. 

O percurso do protocolo SMTP com comandos

Agora que você já conferiu alguns dos comandos e  das características protocolo SMTP, vamos conhecer o percurso do e-mail enviado por José a Fernanda, mas com a indicação dos comandos SMTP utilizados em cada etapa. 

A série começa com o servidor de correio de José enviando um comando EHLO ao servidor de correio de Fernanda e identificando o domínio. Por exemplo, o servidor de correio de José enviaria “EHLO <gmail.com>”.

O servidor SMTP no Yahoo reconhece a mensagem EHLO respondendo com o código “250” junto dos serviços que o servidor SMTP pode suportar. É importante que o cliente e o servidor cheguem a um acordo sobre os serviços e os recursos que podem suportar antes de iniciar a transferência da mensagem.

Agora que a saudação está feita, é hora do cliente enviar as informações do remetente e do destinatário do e-mail. O cliente SMTP continua enviando um comando “MAIL FROM” junto das informações do remetente. Em nosso cenário, seria algo como “MAIL FROM: <[email protected]>”

Quando o servidor SMTP recebe este comando, ele responde novamente com o mesmo código 250 para indicar que não tem problemas em aceitar mensagens deste usuário, no caso José. Em seguida, o cliente envia um comando “RCPT TO” junto do endereço de e-mail do destinatário “RCPT TO: <[email protected]>”.

Entre outras coisas, o servidor SMTP verifica se o usuário “Fernanda” existe. Caso positivo, ele envia de volta uma confirmação 250, indicando que está tudo bem em aceitar mensagens de José entregues a Fernanda. Isso conclui o estágio de handshaking. Agora, vamos passar aos detalhes substanciais. Como a mensagem de e-mail real é transferida do cliente SMTP para o servidor SMTP?

Antes de iniciar a transferência da mensagem propriamente dita, o cliente SMTP envia mais um comando denominado “DATA” para o servidor apenas para se certificar de que o lado do servidor está pronto. O servidor de e-mail de Fernanda responde com o código “354” indicando que está pronto para receber a mensagem.

Esse trajeto resume o que é o protocolo SMTP e como a mensagem de José chega até Fernanda, indicando que há novos produtos disponíveis para a compra. A última etapa é o fechamento da conexão entre cliente SMTP e servidor SMTP, quando o servidor de José envia um comando “QUIT” ao servidor de correio de Fernanda, que responde com um código “221”.

Como conhecer o seu servidor SMTP?

Você pode verificar o servidor SMTP utilizado executando algumas etapas no prompt de comando do Windows.

  1. Pressione a tecla “Windows”; 
  2. Digite “cmd” na caixa de pesquisa;
  3. Abra o aplicativo “Prompt de Comando” e digite um dos dois comandos a seguir: ping SMTP.mysite.com e ping mail.mysite.com;
  4. O nome do seu servidor SMTP será exibido logo após a palavra “Pinging”.

A importância do protocolo SMTP

Conforme mencionado anteriormente, o servidor SMTP é usado para entregar e-mails transacionais e em massa de forma confiável e segura. Existem muitos provedores de serviço SMTP no mercado. Algumas das vantagens são: 

Antes de escolher um SMTP, a dica é investir algum tempo para fazer algumas pesquisas básicas sobre os tipos de servidores SMTP disponíveis no mercado. Geralmente, os planos gratuitos têm um limite no número de e-mails a serem enviados por dia ou mês. 

Se você estiver procurando um serviço SMTP para uma grande organização, o ideal é optar por um serviço SMTP pago. Com isso em mente, você conseguirá escolher um que melhor atenda às necessidades do seu negócio. Afinal, uma comunicação eficaz é a chave para o sucesso!

Gostou? Então continue acompanhando o blog da HostGator para mais conteúdos sobre tecnologia, negócios e marketing!