Velocidade de carregamento: 5 ferramentas gratuitas para fazer testes

5 ferramentas gratuitas para testar a velocidade de carregamento do seu site

Escrito por

quinta-feira, 30 de agosto de 2018 | Comentários

Você certamente já sabe que a velocidade de carregamento é um fator de ranqueamento para sites e blogs. A novidade é que este critério passa a ser determinante para o resultado de buscas em smartphones e tablets. Portanto, para manter um bom posicionamento nos mecanismos de pesquisa é fundamental que o carregamento dos sites seja rápido. Veja como melhorar o desempenho do seu site com essa lista de 5 ferramentas gratuitas.

Por que a velocidade de carregamento é tão importante?

A oferta de conteúdo na internet cresce diariamente, assim como a demanda. Cada vez mais pessoas utilizam a rede para interagir e buscar informações. O interesse é tanto que o Brasil figura entre os países em que os usuários de internet passam mais tempo online, conectados via dispositivos móveis. No entanto, este público extremamente ativo digitalmente não tem paciência para sites lentos.

Ao acessar um site, qualquer segundo a mais no tempo de carregamento da página pode ser a diferença entre ganhar e perder um visitante ou cliente. Por isso, é fundamental manter o seu site rodando com a menor velocidade de carregamento possível. Você pode utilizar diversas técnicas para otimizar sua página e melhorar o desempenho de um site, mas hoje vamos falar sobre uma etapa anterior a essa: as ferramentas gratuitas que nos permitem avaliar e medir o tempo de carregamento de um site.

Existem vários fatores que interferem na velocidade de um site. Então, antes de resolver isso, você precisa conhecer mais sobre eles. É como o disse o famoso cientista e filósofo William Thompson (Lord Kelvin), “aquilo que não se pode medir, não se pode melhorar”, não é mesmo? Alguns dos motivos mais comuns que deixam um site lento são:

  • imagens muito pesadas;
  • uso incorreto de scripts;
  • uso excessivo de JavaScript, CSS e HTML;
  • problemas na otimização de códigos.

Para identificar quais desses problemas precisam ser resolvidos você pode recorrer às ferramentas gratuitas, que testam a velocidade de sites. Então, vamos lá?

Ferramentas gratuitas para teste de velocidade

1. Page Speed Insights

Esta é uma ferramenta do Google que faz parte do portal para desenvolvedores da empresa. Sua função é analisar a velocidade de carregamento de um site, tanto em desktops quanto em dispositivos móveis. Após indicar a URL da página, você receberá uma avaliação baseada nos seguintes critérios:

  • Mobile – Velocidade
  • Mobile – Experiência do usuário
  • Desktop – Velocidade

Em cada uma das seções listadas acima, a página receberá uma nota de classificação, entre 0 e 100, sendo 0 o pior índice e 100 o melhor. Quanto mais próximo de 100, menos itens você terá para corrigir. Além disso, será realizada uma avaliação detalhada dos problemas encontrados e uma recomendação do que pode ser feito para correção. Da mesma forma, os elementos que estiverem em ordem serão listados como “aprovados”.

A ferramenta também exibirá uma captura de tela da página em um dispositivo móvel e em um desktop.

Velocidade de carregamento: 5 ferramentas gratuitas para fazer testes

Acesse o Page Speed Insights para testar a velocidade de carregamento de qualquer site. E se quiser dicas de como melhorar a experiência do usuário em equipamentos móveis sugerimos a leitura deste artigo: Tudo o que você precisa saber sobre SEO para mobile.

2. Pingdom Website Speed Test

Nessa ferramenta, além da nota de classificação, você também poderá visualizar em destaque o número de requisições feitas pela página, o tempo total de carregamento e o tamanho total dos arquivos presentes na página. Logo abaixo deste resumo, a ferramenta exibe um gráfico contendo todas as requisições feitas e o tempo de carregamento individual. Basta passar o mouse sobre as barras de tempo para abrir um box com o tempo de duração de cada item no processo, da requisição à resposta, conforme ilustrado na imagem abaixo.

Velocidade de carregamento: 5 ferramentas gratuitas para fazer testes

A ferramenta Pingdom é em inglês e o seu propósito é ajudar os desenvolvedores a otimizar o desempenho de sites da forma mais prática e simples possível. Você vai perceber que para isso os códigos de resposta do servidor foram legendados por cores e o conteúdo é indicado por ícones.

3. GT Metrix

A análise do GT Metrix utiliza 27 critérios distintos para gerar sua nota de classificação. Em cada critério é possível visualizar o que precisa ser otimizado (se houver). Assim como na ferramenta Pingdom, também é possível visualizar as requisições individualmente. Além da velocidade de carregamento, o relatório apresentado também apresenta uma visão completa de como o site é carregado. Isso ajuda você a identificar quais são os gargalos.

Em destaque, você verá o índice de classificação Page Speed, do GT Metrix, e também o índice YSlow, que é uma ferramenta de código aberto para análise de velocidade baseada em regras de performance definidas pelo Yahoo. As notas de classificação são exibidas em percentual (de 0 a 100%).

Velocidade de carregamento: 5 ferramentas gratuitas para fazer testes

O GT Metrix também é uma ferramenta em inglês. Embora essa seja uma ferramenta gratuita, ela tem dispõe de planos pagos, que oferecem recursos adicionais e análises mais avançadas. Portanto, independente da ferramenta escolhida, você pode verificar essa possibilidade de upgrade para planos pagos.

4. Web Page Test

Esta ferramenta oferece a possibilidade de se escolher o local de origem do teste e também o tipo de navegador. Os testes de velocidade de carregamento sempre são realizados de um ponto inicial até o local onde se encontra o servidor físico. Sendo assim, o ponto inicial fará diferença no resultado. Por exemplo: se você está acessando um site do Brasil e o servidor está nos Estados Unidos, o tempo de resposta será maior em comparação com um usuário que está nos EUA. Por isso, antes de iniciar o teste é possível alterar a localidade de origem, como pode ser visto na imagem abaixo.

Velocidade de carregamento: 5 ferramentas gratuitas para fazer testes

Após indicar a URL do site, o resultado é bem detalhado, incluindo desempenho, conteúdo e domínios (carregamento do conteúdo detalhado por domínio). Essa ferramenta também oferece uma visão interessante sobre a compactação do conteúdo e o uso de cache pelo website. Você poderá navegar pelas abas Details (detalhes), Performance Review (análise de desempenho), Content Breakdown (detalhamento de conteúdo), Domains (domínios) e Screen Shot (captura de tela).

O Web Page Test é mais uma ferramenta gratuita que fornece um diagnóstico avançado. Isso inclui gráficos em cascata sobre o carregamento de recursos e verificações de otimização, entre outras sugestões de melhoria. Assim como outras opções apresentadas possui um fórum, onde especialistas discutem regularmente estratégias para a otimização de sites.

5. Web Page Analyzer

O Web Page Analyzer foi criado por Andy King, autor do livro Website Optimization, lançado pela O’Reilly em 2008. Assim como as demais ferramentas, ela calcula o tamanho da página, elementos e a velocidade de carregamento. O resultado é exibido em tabelas contendo as principais informações sobre o assunto. Ao final da página tem uma área de Analysis and Recommentations (análise e recomendações), na qual itens como HTML, imagens, scripts, entre outros, são comentados com recomendações de melhoria.

O Web Page Analyzer é outra ferramenta gratuita que pode indicar melhorias no seu site para aumentar o tráfego. Além de testar a velocidade de carregamento ele também fornece uma análise com exemplo em HTML.

Otimização de sites: o que você precisa para começar?

Agora você já conhece várias ferramentas gratuitas que para medir a velocidade de carregamento e desempenho do seu site. O próximo passo é seguir as recomendações de otimização sugeridas pela ferramenta escolhida.

Mas, sabemos que ter boas referências também é importante para simplificar suas atividades. Então, se você ainda tem dúvidas por onde começar, fique tranquilo que nós temos algumas orientações. Nos links abaixo, por exemplo, você encontra algumas dicas de como otimizar o seu site:

Vale ressaltar que existem várias outras técnicas de otimização que podem ser utilizadas para melhorar o desempenho e a velocidade de carregamento. Como o assunto é vasto, estamos regularmente abordando o tema em posts aqui no blog. Mas resumindo, o primordial para melhorar a velocidade do carregamento do seu site é:

  • otimizar as imagens;
  • desabilitar recursos desnecessários;
  • revisar o código;
  • habilitar o cache;
  • utilizar um CDN;
  • regular os rastreadores web;
  • escolher um serviço de hospedagem de qualidade.

Você já utiliza as ferramentas que apresentamos aqui? Compartilhe conosco qual é a sua preferida ou se usa alguma outra que não foi citada. Se você gostou deste post, sugerimos também a leitura dos seguintes conteúdos: Por que um site lento é problemático (e como resolver isso) e 7 dicas para melhorar a velocidade do site.

Tags:, , , ,
Comentários
Pressione Enter para pesquisar ou ESC para fechar