Que assuntos você quer receber:

A confirmação da sua inscrição foi enviada para o seu e-mail

Agradecemos sua inscrição e esperamos que você aproveite nossos conteúdos!

Aprenda de forma simples nesse artigo o que são os apontamentos de zona DNS e como criá-los na Cloudflare!

Quem utiliza a Cloudflare sabe como é importante saber criar e administrar os apontamentos da zona DNS para administrar as configurações do seu domínio e tirar o melhor proveito dessa ferramenta. Nesse artigo você aprenderá como criar apontamentos na zona DNS da Cloudflare. Vamos lá?

Requisitos

Para você poder criar apontamentos na Cloudflare você precisará cumprir o seguinte requisito:

Como criar apontamentos na zona DNS da Cloudflare

1. Partindo do acesso da sua conta na Cloudflare, acesse na barra lateral a esquerda o menu DNS.

Acessando o menu de zona DNS da Cloudflare

2. Clique em Adicionar registro.

Adicionando novo registro na zona DNS da Cloudflare

3. Em seguida você deverá selecionar o Tipo do Apontamento, Nome, Conteúdo e definir se você quer a Proxy ativa veja abaixo o significa cada uma dessa coisas;

1 – Tipos de Apontamento:

Os tipos de apontamento representam a lógica a ser utilizada para os próximos campos que você preencher, os mais comun são:

  • Tipo A: Esse apontamento serve para vincular o nome a um IPv4 no conteúdo.
  • Tipo AAAA: Esse apontamento serve para vincular o nome a um IPv6 no conteúdo.
  • Tipo TXT: Esse apontamento serve para vincular o nome a um conteúdo em texto.
  • Tipo MX: Esse apontamento serve para vincular o nome ao nome do servidor de e-mails a ser utilizado. O nome inserido no campo do conteúdo deve ter apontamento definido para algum endereço para funcionar. Além disso, você deve definir a prioridade nesse tipo de apontamento, devendo utilizar o padrão solicitado pelo servidor de e-mails.
  • Tipo CNAME: Esse apontamento serve para vincular o nome a outro nome.

2 – Nome:

O nome é o que indica o nome do domínio a ser utilizado para cumprir determinada função na zona DNS. Quando utilizado o nome do próprio domínio no campo nome, a Cloudflare exibirá o nome do domínio na zona DNS, porém, se for utilizado algum subdomínio no campo nome, nesse caso o nome do domínio será omitido.

3 – Conteúdo:

No campo conteúdo você colocará qualquer valor que tenha relação com a lógica do tipo de apontamento e definirá o vínculo com o nome inserido. Nesse campo você pode ter que inserir um IPv4, IPv6, um Hostname, um código em texto, etc., consulte nos tipos de apontamento qual o correto para cada caso.

4 – Proxy:

A Proxy da Cloudflare garante o anonimato dos IPs hosts do seus apontamentos. Com a proxy habilitada, quem tentar verificar quais são os apontamentos de IP de um domínio que utiliza a proxy da Cloudflare, terá como resultado apenas os IPs dos servidores da Cloudflare e não os IPs reais.

Quando finalizar de criar o apontamento clique em Salvar.

Configurando os parâmetros do apontamento na Cloudflare

4. Pronto! O apontamento na zona DNS da Cloudflare foi criado com sucesso.

Considerações Finais

Utilizar a Cloudflare costuma ajudar quem quer melhorar o desempenho do site, permitindo que o usuário utilize diversas ferramentas, como a CDN, proxy, cache e muitas outras.

Se você sentiu alguma dificuldade ou então tem alguma sugestão de algo que não foi mencionado, basta deixar aí nos comentários que no futuro podemos estar trazendo atualizações para este artigo. Também indico esses outros materiais relacionados com este assunto:

Até a próxima! :^)

Navegue por tópicos

  • Requisitos

  • Como criar apontamentos na zona DNS da Cloudflare

  • Considerações Finais

Tags:

  • Domínios

Julio Pires

Analista de Conteúdo Técnico na empresa HostGator e estudante de Física na UFSC, gosta de maratonar séries, jogar jogos clássicos, nunca nega uma partida de xadrez e busca estar sempre atualizado com o mundo da tecnologia.

Mais artigos do autor

Garanta sua presença online

Encontre o nome perfeito para seu site

www.

Comentários