Cada vez mais as pessoas estão fazendo compras online. Por isso, é fundamental contar com as melhores formas de pagamento para loja virtual!

Em suas compras online, você já deve ter se deparado com várias formas de pagamento, não é mesmo? Isso tem uma explicação: o público das lojas virtuais é muito grande e tem diversas preferências de pagamento, seja no crédito, boleto ou PIX. 

Para que você tenha sucesso no mercado digital, é preciso que tenha diversas formas de pagamento loja virtual.

Afinal, é muito chato colocar todos os produtos no carrinho de compras e ao final, no checkout, descobrir que na loja não é aceita determinada forma de pagamento. 

Neste post, vamos te ajudar a conhecer as formas de pagamento para o e-commerce e qual é a melhor opção para a sua empresa. Acompanhe!

Melhores opções de meios de pagamento

Para que escolha o melhor meio de pagamento ecommerce para o seu negócio, é preciso que conheça as principais opções do mercado. Confira abaixo algumas formas de receber o pagamento de seus clientes. 

Cartão de crédito

O cartão de crédito é o queridinho dos clientes, mas também dos lojistas. Afinal, mais de 50% das compras online são feitas por meio do cartão. Seu principal benefício aos clientes, é que a compra pode ser parcelada, aumentando o poder de compra deles.

Para o lojista, o cartão traz como vantagens a garantia de fechar a venda, assim como a redução da inadimplência. Isso porque, o lojista receberá o valor total da compra, seja em parcelas ou não, mesmo que o cliente não pague o cartão de crédito. 

Além disso, atualmente as operadoras de cartão, assim como das maquininhas, têm feito o adiantamento das parcelas aos lojistas. Portanto, isso traz maior fluxo de caixa e oportunidades de investimento no negócio. 

Então, quando perguntam: qual o melhor meio de pagamento para loja virtual? A resposta é cartão de crédito. Porém, não se esqueça de ter outras opções de pagamento, pois diversas pessoas preferem pagar suas compras via boleto ou mesmo depósito bancário. 

Boleto bancário

Você sabia que mais de 45 milhões de brasileiros não têm conta bancária? É muita gente não, é mesmo? Mas, não é porque não possuem uma conta em banco, que não fazem compras online. 

No Brasil, cerca de 20% das compras no comércio eletrônico são feitas via boleto bancário. Por isso, é importante que disponha dessa opção de pagamento em sua loja virtual. 

Para ter essa opção em seu e-commerce, é preciso contratar esse serviço em seu banco. Pode ser que a sua conta já tenha essa modalidade, mas é importante negociar as taxas junto ao seu gerente. 

Portanto, essa modalidade de pagamento é muito segura, afinal após o pagamento o dinheiro cai diretamente na conta de sua empresa. Porém, tem maior prazo para a quitação e aprovação do pagamento, o que pode atrasar a entrega. 

Cobrança recorrente

Algumas empresas possuem os planos de assinaturas de produtos ou serviços, que são pagas mensalmente. Um exemplo é a Netflix, TAG Livros, etc. 

A principal forma de cobrança deste serviço é via cartão de crédito, já que o valor da assinatura é cobrada automaticamente no cartão. Mas, existem outras formas de cobrança para esse modelo de negócio, como: cartão de débito, transferência online e até carteiras digitais. 

Se você estiver ou está criando uma empresa com serviço de assinaturas, é importante que estude muito bem os meios de pagamento, para evitar surpresas no futuro. 

PIX

O PIX chegou para ficar! Ele é uma das formas de pagamento preferidas dos consumidores e dos lojistas. Afinal, em segundos o dinheiro está na conta e o cliente concretiza sua compra com muito mais agilidade. 

Porém, é importante ficar atento! O PIX para as empresas, principalmente do e-commerce, poderá ser cobrado. Afinal, as taxas chegam até 1,49%, mas são mais atrativas que as de cartão, que chegam a 3,5%.

Por isso, antes de adotar esse meio de pagamento em sua loja virtual, é importante validar todas as taxas e formas de operacionalizar o PIX. 

Débito em conta

Nesse formato de pagamento, ao invés de ser usado os dados do cartão, são informados os dados da conta bancária para o lojista. O débito em conta precisa de autorização direta dos bancos e é feita para transações à vista

Esse meio de pagamento é usado por empresas de serviços recorrentes, como vimos acima. Por ser mediado pelos bancos, é uma transação muito segura. 

PayPal

Essa é uma das formas de receber pagamentos online mais conhecida no mundo. Afinal, ele é muito utilizado não só para transações nacionais, como internacionais.

Então, se você tem a intenção de vender para o exterior, é preciso estudar a integração do PayPal em sua loja virtual. 

Tanto o lojista, quanto os clientes, precisam ter uma conta no PayPal, para usar o meio de pagamento. Dependendo da forma de uso, essa conta pode ser tarifada ou não. Nela, você pode cadastrar o cartão de crédito e fazer os pagamentos e transferências direto pela plataforma.

Aliás. outra vantagem do serviço, é que se faz a conversão de dólar para o real e vice-versa, automaticamente. 

Mercado Pago

O Mercado Pago era o meio de pagamento do Mercado Livre. Ele ajudou muito a alavancar a reputação dos vendedores na plataforma e trouxe muita praticidade no estorno de pagamentos, por exemplo. 

Com o passar do tempo, tornou- se um dos principais meios de pagamento e chegou a competir com o próprio PayPal. O Mercado Pago está presente na maioria das lojas virtuais do Brasil, por fazer a integração com as principais plataformas de e-commerce do país. 

Essa é uma boa opção de meio de pagamento para você implantar em sua empresa. Mas, é importante validar as taxas e entender se faz sentido para o seu modelo de negócio. 

Qual é a melhor opção para o seu e-commerce

Cada modelo de negócio tem as suas necessidades e formas de atender os clientes. Por isso, não podemos dizer que a opção X ou Y é a melhor para a sua empresa. 

Agora que você conhece os principais meios de pagamento para loja virtual, é importante que analise cada uma e verifique os custos de implantação, taxas, juros e o quanto a empresa vai desembolsar por mês, para ter os serviços ativos. 

Outra dica, é conversar com outros lojistas e pegar informações sobre as operadoras de maquininhas, cartões e até mesmo bancos que usam. Assim, você terá uma visão maior do que é adotado pelo mercado. 

Como integrar um e-commerce a meios de pagamento

Ao contratar uma plataforma para a sua loja virtual, é preciso validar como funciona a integração com os meios de pagamento. Você precisa validar com quais deles é possível integrar.

Além disso, verificar qual a dificuldade do processo e se ele é simples de ser acessado pelo cliente na hora de fechar a compra. 

Além disso, é preciso pensar no futuro. Verifique se existem outras formas de integração além das que precisa no momento da contratação. Assim, você não ficará amarrado, caso a empresa passe por mudanças. 

O que são gateways de pagamento

Os gateways de pagamento são interfaces que fazem a transmissão de dados entre os clientes, lojistas e operadoras de cartão. Aliás, o gateway é responsável pela validação dos dados do cliente e cartão, para que a compra seja autorizada. 

Esperamos ter ajudado você a entender os principais meios de pagamento para loja virtual. Até a próxima!