Que assuntos você quer receber:

A confirmação da sua inscrição foi enviada para o seu e-mail

Agradecemos sua inscrição e esperamos que você aproveite nossos conteúdos!

Entenda o que é um gerenciador de senhas, como ele funciona, quais os benefícios e quais as opções disponíveis para você utilizar.

Em um primeiro momento, pode ser que a ideia de ter um gerenciador de senhas pareça um exagero. Afinal, criar senhas que façam sentido para você pode ser um caminho bem simples de tomar na hora de proteger as suas contas e manter os seus dados seguros.

Entretanto, pesquisas mostram que a maioria absoluta das pessoas utilizam senhas que são fracas. Para piorar, utilizam o mesmo código em diversos sites diferentes, deixando a conta desprotegida e as informações pessoais à mercê de hackers e invasões.

Uma pesquisa realizada pela NordPass revela que as senhas mais utilizadas no mundo todo são rapidamente descobertas, pois incluem sequências numéricas como “123456”, palavras como “senha” ou “password”, e sequências de letras na ordem do teclado, como “qwerty”.  

Para evitar senhas fracas e proteger suas contas, o ideal é conseguir montar combinações únicas e, para isso, um gerenciador de senhas pode ser uma solução ideal. Afinal, lembrar senhas diferentes para muitos sites pode ser uma tarefa difícil.

Iremos explicar como funcionam os gerenciadores de senhas, te ajudar a conhecer os melhores do mercado e decidir se vale ou não a pena utilizar um para as suas contas. 

O que é Gerenciador de Senhas?

O gerenciador de senhas é um aplicativo projetado para armazenar e gerenciar as chamadas credenciais online, além de também gerar senhas que sejam fortes, que serão armazenadas em um banco de dados criptografados e bloqueadas por uma senha mestra.

Ele é essencial, pois houve uma época em que tínhamos poucos sites em que era necessário utilizar uma senha. Porém, essa realidade mudou muito nos últimos anos, como mostra o relatório de 2017 do LastPass: ele revelou que, em média, as pessoas precisam memorizar cerca de 191 senhas diferentes para o trabalho.

Assim, a tecnologia tem, de fato, transformado as nossas vidas, trazendo muitas facilidades para o nosso dia a dia. Porém, a cada novo site ou aplicativo que utilizamos, uma nova informação de login e senha é criada.

Neste contexto, a solução que muitos usuários encontram é criar uma única senha forte e reutilizá-la em diversos sites distintos. Porém, essa é uma atitude extremamente perigosa e que pode acarretar em vulnerabilidade de informações e contas hackeadas.

O maior problema da reutilização de senhas é o vazamento que ocorre várias vezes por ano, mesmo em grandes sites. Quando a sua senha vaza, pessoas mal-intencionadas podem utilizá-la em combinação para outros sites.

Ou seja, se você utiliza o mesmo login e senha em todos os lugares, o vazamento vai resultar em acesso total de bandidos da internet a todas as suas informações, incluindo até mesmo dados bancários.

Por isso, o ideal é que senhas fortes e difíceis sejam criadas a cada novo site que você realize login, garantindo que um vazamento de senha não dará acesso a todas as suas contas de uma só vez, mas somente a uma em específico. 

Por que usar um gerenciador de senhas?

Felizmente, você não precisa memorizar 191 senhas diferentes para cada site que utiliza: aqui entra o gerenciador de senhas, o aplicativo que pode gerenciar as informações de login, ajudar a criar senhas fortes e a monitorar se suas informações foram violadas e vazadas na web.

Uma vez que todos os dados de usuário e senhas das suas contas tenham sido inseridas no “cofre”, você terá que se lembrar apenas da senha mestra para liberar a utilização do gerenciador de senhas, que completará automaticamente as informações precisas de login de cada site

Agora que você entendeu o funcionamento de um gerenciador de senhas e os perigos que podem advir de senhas fracas ou reutilizadas, vamos mostrar quais os benefícios de utilizar essa ferramenta na sua rotina.

  • Você não precisa mais memorizar muitas senhas

Com o gerenciador de senhas, você não terá que decorar todas as informações de login. Será preciso lembrar apenas da senha mestra para desbloquear o seu “cofre de senhas” e deixar o gerenciador preencher automaticamente o login.

É possível também optar por um gerenciador de senhas que funciona em nuvem, permitindo que você acesse seu cofre de senhas de qualquer lugar, inclusive em dispositivos diferentes.

  • O gerenciador de senhas pode gerar senhas fortes e exclusivas 

Quando você for realizar um novo login, o gerenciador irá perguntar se você deseja que uma senha seja gerada automaticamente, de forma rápida e com grande segurança.

Essas senhas geradas pelo programa utilizam letras e números e, geralmente, são bem longas, o que as tornam praticamente impossíveis de serem adivinhadas por terceiros. 

banners-blog-seguranca
  • A ferramenta também pode alertá-lo sobre sites de phishing

O phishing é uma forma de aplicar golpes pela internet, quando, por exemplo, e-mails são falsificados para parecerem vindos de um remetente legítimo, mas com links que direcionam para sites maliciosos, projetados para roubar credenciais de login.

Ao utilizar um gerenciador de senhas no navegador, ele não irá preencher automaticamente as informações de login, pois não irá reconhecer o site falsificado como o original vinculado à senha, te protegendo do golpe.

  • Com o gerenciador de senhas é possível pensar nos seus entes queridos quando você falecer

O gerenciador de senhas permite a chamada herança digital: caso você venha a falecer, sua família ou outra pessoa designada por você para administrar seus dados irá ganhar o acesso total ao seu cofre de senhas. 

  • Você economiza tempo 

Além de armazenar suas senhas, muitos gerenciadores de senhas preenchem as informações de login automaticamente, fazendo o acesso às contas muito mais rápido. 

Existem, ainda, opções de ferramentas que também preenchem automaticamente outros dados, como seu nome completo, endereço, e-mail, número de telefone e até o número do cartão de crédito, o que economiza muito tempo na hora de realizar cadastros e compras online. 

  • É possível utilizar com diferentes sistemas operacionais 

Se você precisa utilizar sistemas operacionais distintos no trabalho e em casa, como iOS e Android ou Windows e Mac, por exemplo, não precisa se preocupar: os gerenciadores de senha permitem que você acesse seu cofre de qualquer plataforma.

  • Com ele, você consegue proteger a sua identidade 

Ao utilizar um gerenciador de senhas, você consegue atribuir uma senha diferente e extremamente forte para cada site

Assim, se um hacker conseguir invadir uma de suas contas, ele não conseguirá, necessariamente, entrar em outras.

Claro que o uso não gera proteção infalível, mas é uma forma extra de dificultar o trabalho dos criminosos da internet e segmentar os seus dados. 

Opções de gerenciadores de senha 

Existem muitas opções de gerenciadores de senhas disponíveis e iremos mostrar 6 dos mais bem avaliados pelos usuários. Todos são boas escolhas, a depender do que você prioriza. 

Confira abaixo mais detalhes sobre cada um deles e quais as suas vantagens.

  • Keeper

O Keeper é considerado bem seguro, graças a métodos de criptografia para poder proteger as senhas e dados armazenados. Ele pode inclusive ser utilizado com autenticação multifator (MFA), como o Face ID e Touch ID.

Ele oferece recursos extras, como monitoramento da dark web e auditoria de senhas, para poder ficar de olho no vazamento das senhas na internet. Além disso, também oferece a opção de envio e recebimento de mensagens criptografadas.

Ele também possui um armazenamento em nuvem maior do que o dos concorrentes, além de ser de fácil utilização e oferecer segurança Premium aos usuários. 

O Keeper disponibiliza uma versão de teste gratuita por 30 dias e, por isso, não possui reembolso. O valor inicial é de R$ 121,46 ao ano e funciona com Windows, Linux, Mac, Android e iOS. 

  • Keepass

O Keepass é, primeiramente, um gerenciador de senhas de desktop, mas também possui extensões para navegador e para dispositivos móveis. 

Uma desvantagem, porém, é que o fato de ser utilizado em desktop significa que você é o responsável por sincronizar as senhas aos outros dispositivos manualmente ou utilizar uma sincronização disponível no Dropbox, por exemplo, para conseguir sincronizar o armazenamento do Keepass entre vários dispositivos.

A vantagem do Keepass é que ele é totalmente gratuito e de código aberto, certificado pela OSI, ou seja, você pode verificar e modificar o código se desejar e checar se os recursos de segurança estão corretos.

gerenciador de senhas
  • 1password

O 1password é um dos gerenciadores de senhas mais bem avaliados, com a utilização da criptografia para oferecer segurança aos dados dos usuários , além de muitos recursos adicionais, como cofres personalizáveis que podem ser compartimentados por tema e monitoramento de senhas vulneráveis.

Além disso, o 1password é o único que oferece o modo viagem, em que senhas importantes podem ser ocultadas quando o usuário está viajando para fora do país, por exemplo. 

Você pode fazer um teste de 14 dias gratuitos e, depois disso, o preço inicial começa em R$ 16 ao mês, podendo ser utilizado em Windows, Mac, iOS, Android e Linux.

  • Bitwarden 

O Bitwarden também é um gerenciador de código aberto e possui duas versões: uma gratuita e uma paga, ambas com bons recursos e boas funcionalidades

A versão paga também possui um preço menor do que as concorrentes, com o plano inicial de R$ 52 ao ano.

Ele funciona com criptografia e possui autenticação de dois fatores, além de possuir auditoria de segurança das senhas e monitoramento de senhas vulneráveis e violadas.

É compatível com Mac, Windows, iOS, Android e Linux e, embora seja básico, oferece uma boa segurança aos dados dos usuários. Entretanto,pode ser um pouco complicado para iniciantes utilizarem, com uma interface um pouco mais complexa. 

Por isso, o fato de possuir garantia de reembolso após até 30 dias de uso é uma ótima opção, pois permite que você teste bem e, caso se arrependa, cancele a assinatura.

  • LastPass

Também muito bem avaliado, o LastPass oferece bastante segurança, com criptografia de uso militar, opções de autenticação de dois fatores e logins biométricos. 

Com ele, é possível fazer o compartilhamento e monitoramento de senhas, além da opção de alterar as senhas antigas ou fracas automaticamente. Há, ainda, o recurso de recuperação da conta mesmo se o usuário perder a senha mestra.

Também é possível selecionar pessoas de confiança para receber acesso ao cofre de segurança em situações de emergência, além de restringir o uso dos cofres em determinados países. 

Compatível com Windows, Linux, Mac, iOS e Android, o LastPass oferece um teste de 30 dias grátis e preço inicial a partir de R$16 ao mês. 

  • Dashlane 

Um dos mais populares e queridos pelo público, o gerenciador Dashlane oferece muita segurança para o armazenamento de senhas com criptografia, facilidade para gerar, criar, compartilhar e importar os cofres e preenchimento automático de dados.

Além disso, há a identificação em dois fatores, monitoramento da vulnerabilidade das senhas e da dark web e trocador de senhas automático em todos os sites que suportam essa opção. 

É o único gerenciador de senhas que fornece VPN (Rede Privada Virtual) integrada, que funciona com rapidez e possui navegação segura pela internet.

Funciona em Windows, Mac, Android e iOS, possui avaliação gratuita de 30 dias e o plano inicial começa com o valor de R$ 13 ao ano, um dos menores valores entre os concorrentes. 

Posso confiar em um gerenciador de senhas?

Existem gerenciadores de senhas para desktop e os que são baseados no uso de nuvem, além de outros tipos e, no geral, todos oferecem um bom histórico de proteção dos dados e armazenamento seguro de senhas. 

Já aconteceu de alguns gerenciadores serem hackeados, ou seja, não é completamente infalível a proteção oferecida. Porém, considerando as ocorrências, esse evento é bem raro e ainda é mais seguro recorrer à ferramenta do que utilizar uma única senha para todas as contas. 

Em 2015 o LastPass teve um vazamento de dados, porém os criminosos que hackearam só conseguiram os e-mails dos usuários, ou seja, não tiveram acesso a nenhuma senha graças ao sistema de criptografia para manter a segurança. 

Por isso, consideramos uma boa opção possuir um gerenciador de senhas e manter os olhos bem abertos para conseguir proteger os dados mais importantes que você possui.

Gostou de saber mais sobre essa ferramenta? Aqui na HostGator nós nos preocupamos com a sua segurança. Conta pra gente nos comentários qual gerenciador de senhas você recomenda ou qual está querendo testar. 

Navegue por tópicos

  • O que é Gerenciador de Senhas?

  • Por que usar um gerenciador de senhas?

  • Opções de gerenciadores de senha 

  • Posso confiar em um gerenciador de senhas?

Tags:

  • CodeGuard

HostGator

Provedora mundial de hospedagem de sites e outros serviços relacionados à presença online.

Mais artigos do autor

Garanta sua presença online

Encontre o nome perfeito para seu site

www.

Comentários