Proposta comercial para Revenda de Hospedagem

Revenda de hospedagem: O que uma proposta comercial precisa ter?

Escrito por

terça-feira, 22 de janeiro de 2019 | Comentários

Você identificou um potencial cliente e então apresenta seus serviços, agora chega o momento crucial da negociação: a hora de apresentar uma proposta comercial. Esse é o documento que reúne e detalha todas as informações sobre o que você ou sua empresa oferecem, como os objetivos do trabalho, os prazos e – é claro – os preços.

O desafio é preparar uma proposta comercial completa e persuasiva para conquistar o cliente. Mas como fazer isso quando seu negócio é revenda de hospedagem para sites?

Para ser convincente, é necessário apresentar com clareza as razões para que o cliente contrate a sua revenda de hospedagem – e não a de uma empresa concorrente. Você terá elaborado um documento de qualidade, se conseguir demonstrar tanto como os negócios do cliente podem ser beneficiados pelos seus serviços, quanto os diferenciais da sua empresa e as possibilidades de geração de valor que ela proporciona.

4 informações que não podem faltar na sua proposta comercial

Existem alguns aspectos e um roteiro mínimo de informações que precisam estar presentes em qualquer proposta comercial de hospedagem para sites. Confira quais são e saia por aí conquistando clientes com ela:

1. Quem é você?

O documento deve ter uma breve apresentação da sua empresa. Explique qual é o seu papel no negócio e descreva também um pouco da sua experiência profissional com revenda de hospedagem para sites.

Lembre-se ainda de contar um pouco sobre a empresa de hosting que você representa. No caso da HostGator, vale a pena dizer que ela é uma das maiores companhias do segmento no mundo, com cerca de 9 milhões de domínios sob gestão. Essa apresentação não precisa ser longa: um slide (se optar por uma apresentação) ou um parágrafo (se decidir escrever um texto) já são o suficiente.

2. Quais são os objetivos?

Use esse espaço para relembrar os objetivos do cliente ao contratar os serviços da sua revenda de hospedagem. Você provavelmente conversou pessoalmente ou pelo telefone com ele (ou pelo menos trocou e-mails ou mensagens) antes de ter a chance de apresentar sua proposta comercial. Vale a pena resgatar suas anotações anteriores nesse momento.

Em uma negociação, é importante que todos estejam falando a mesma língua. O prestador do serviço precisa estar certo de que compreendeu exatamente o que o cliente precisa contratar, para ficar seguro de que oferecerá uma solução efetiva para os problemas apresentados. Isso evita surpresas e decepções – para o cliente, não há nada pior do que achar que está comprando uma coisa e acabar recebendo outra.

3. Como você pode ajudar?

Indique os serviços que a sua revenda de hospedagem oferece e que podem suprir as necessidades do cliente. Aproveite para destacar os seus diferenciais. Vale a pena ressaltar, por exemplo, que o uptime – o tempo de disponibilidade do servidor no ar – da HostGator é de 99,9%. Ou ainda que o cliente tem acesso à equipe de suporte 24 horas por dia, 7 dias por semana. Lembrando que a HostGator foi a campeã do ranking de Melhor Revenda de Hospedagem 2019, elaborado pelo site Tudo sobre hospedagem de sites.

Dica! A abordagem da proposta comercial deve estar adaptada ao tipo de empresa que você possui. A revenda de hospedagem pode ser seu negócio principal. Ou pode ser um serviço adicional oferecido junto com suas atividades como web designer, programador ou especialista em marketing digital, entre outras. Lembre-se disso ao descrever como você pode ajudar a solucionar os problemas do cliente.

4. Qual é a sua oferta?

Explique a proposta de serviços da sua revenda de hospedagem, incluindo todos os detalhes que podem ser importantes para o cliente tomar a decisão de contratá-la ou não: a quantidade de domínios e contas de e-mail, o espaço de armazenamento e transferência, a forma de acesso ao painel de controle e outras plataformas, entre outros.

Não deixe de prever um cronograma de prazos de entrega. Avalie criteriosamente as condições do trabalho, para propor datas que você conseguirá cumprir. Indique também os preços dos serviços e as condições de pagamento. Além disso, indique por quanto tempo a proposta comercial é válida.

Para terminar! Se fizer sentido para o seu negócio, finalize o documento com um termo de confidencialidade. Indique que as informações constantes nele são confidenciais e têm apenas o objetivo de descrever os serviços da sua empresa, a pedido do cliente, não devendo ser utilizadas para outras finalidades, nem repassadas para terceiros.

Tags:, , , ,
Comentários
Pressione Enter para pesquisar ou ESC para fechar