Como manter um site no ar em períodos de alta demanda

Como manter um site no ar em períodos de alta demanda

Escrito por

quinta-feira, 20 de dezembro de 2018 | Comentários

Você já ficou na expectativa de comprar um ingresso super concorrido para um show ou para a final de um campeonato e na hora “H” o site ficou fora do ar? Quando as vendas são online é comum gerar instabilidade no site. Isso ocorre porque o volume de acessos é maior do que a capacidade contratada junto ao servidor de hospedagem. Vamos apresentar alguns passos que podem evitar situações assim na sua loja virtual e garantir o site no ar em períodos de alta demanda.

Como identificar períodos de alta demanda?

Os períodos de alta demanda variam de acordo com o segmento de atuação. O site de uma universidade costuma ter mais acessos quando divulga a lista de aprovados no vestibular e as notas semestrais, por exemplo. No site de um clube esportivo a maior demanda costuma ser para a venda de ingressos para jogos importantes. Já no comércio são os períodos sazonais, como dia das mães, Natal e Black Friday.

Para garantir o seu site no ar em períodos de maior acesso é fundamental acompanhar regularmente o tráfego do site. Essa informação fica disponível no Google Analytics do seu site. Lá você consegue visualizar a média de visitas que o seu site recebe regularmente e quais os picos de acesso. Alguns dos dados que você pode analisar são:

  • número de usuários que entram no seu site;
  • número de visitas que o seu site recebe;
  • dias e horários que o seu site recebe mais visitas;
  • páginas mais visitadas;
  • taxa de rejeição;
  • duração da sessão;
  • principais fontes de tráfego;

Com base nessas informações é possível traçar um plano de ação para garantir o seu site no ar em períodos de maior acesso. Mesmo que você não tenha muito conhecimento sobre tráfego na internet, basta conversar com o seu fornecedor de hospedagem e apresentar os dados que já possui. Se você contar com o auxílio de uma empresa como a HostGator, que é especialista em hospedagem de sites, certamente os consultores lhe ajudarão a garantir o site no ar, em perfeito funcionamento.

5 passos para garantir o seu site no ar

Durante a Black Friday de 2017 a empresa One Day Testing, analisou o desempenho de 43 lojas virtuais e 36 tiveram momentos de instabilidade, o que representa 83,7%. Um problema recorrente foi a falha no carregamento, que deixava os sites mais lentos. Além disso, alguns e-commerces também ficaram fora do ar.

1. Escolha uma hospedagem de qualidade

Para garantir o seu site no ar é fundamental escolher um fornecedor de hospedagem confiável. Portanto, avalie o percentual de uptime, que é a garantia de disponibilidade do servidor, a reputação da empresa no mercado e como funciona o suporte técnico. A dica é traçar comparativos entre os possíveis fornecedores.

2. Faça testes para medir o desempenho do seu site

O tempo de carregamento de um site pode ser a diferença entre ganhar e perder um visitante ou cliente. Por isso, é muito importante testar o desempenho do seu site para identificar melhorias. Aqui no blog tem um post com 5 ferramentas gratuitas para testar a velocidade de carregamento do seu site. Lembre-se de garantir que o seu site funcione perfeitamente nos equipamentos móveis. Afinal, segundo dados do Google, a chance de o consumidor concluir uma compra num site responsivo é 67% maior do que num site que não se adapta aos diversos tamanhos de telas.

3. Corrija eventuais problemas

As ferramentas de teste emitem um relatório com recomendações de melhorias. Siga essas orientações para corrigir eventuais problemas e aperfeiçoar o desempenho do seu site. Afinal de contas, não adianta garantir o site no ar, mas ter um desempenho abaixo do esperado. Fique de olho nas indicações de melhoria de velocidade (mobile e desktop) e experiência do usuário.

4. Garanta a segurança do seu site

A segurança do site é outro aspecto muito importante para o usuário e para garantir o seu site no ar. Além de ter um Certificado SSL também é válido contratar um detector de malware. O SiteLock é uma alternativa eficiente, pois faz o monitoramento e varreduras no site para identificar ameaças, como ataque de hackers e malwares.

5. Otimize o site para melhorar o carregamento

Por fim, também é essencial fazer a otimização do seu site para garantir um bom desempenho. Isso porque promover boas experiências para os usuários é tão importante quanto manter o seu site no ar. Fique atento às imagens (que precisam carregar rapidamente e estar nomeadas da forma correta), aos títulos, informações de meta description, links e ao conteúdo em si. Se tiver dúvidas, recomendamos a leitura do artigo “Como fazer a otimização de sites para aumentar as visitas“.

Durante a leitura deste post você identificou alguma melhoria que precisa ser feita no seu site? Você pode contar com o auxílio dos nossos consultores, que estão disponíveis para ajudá-lo a encontrar as melhores soluções para manter o seu site no ar.

Tags:, , , , ,
Comentários
Pressione Enter para pesquisar ou ESC para fechar