desenvolvimento de sites

Custo do desenvolvimento de sites: aprenda a calcular e negociar com o seu cliente

Escrito por HostGator

17 de julho de 2017 | Comentários

Calcular o custo do desenvolvimento de sites e aplicativos é uma dúvida de muitos desenvolvedores. Por isso, neste post trazemos algumas dicas de como precificar um projeto e justificar o valor ao cliente. Vale lembrar que o planejamento é fundamental para qualquer projeto web. Portanto, o primeiro passo deve ser sempre a elaboração do briefing. Partindo das informações iniciais você já pode montar um escopo do projeto e validar o orçamento e o cronograma de entregas com o cliente.

Como calcular o preço de um projeto web

Antes de calcular o custo do desenvolvimento de sites ou aplicativos é preciso entender a expectativa do cliente: o que ele espera do serviço, como deve ser a interface e quais são as funcionalidades do site? Com essas informações você poderá definir qual aplicação usar, as integrações necessárias e demais particularidades.

Basicamente existem dois modelos de cobrança: por hora ou por projeto. O primeiro é mais usado em demandas mais pontuais, como manutenções ou correções de bugs. Já o segundo formato costuma ser aplicado a projetos mais completos, que serão produzidos do zero, como o desenvolvimento de sites ou apps, por exemplo.

Se você ainda fica um pouco inseguro na hora de calcular o custo do desenvolvimento de sites e projetos web, uma dica é usar a Calculadora Freelancer para estimar o valor da sua hora de trabalho ou de um projeto. O cálculo se baseia em quanto você deseja ganhar por mês, quantas horas tem disponíveis por dia e quantos dias da semana pretende trabalhar. Com essa estimativa fica mais fácil calcular o custo de um projeto.

Outro exemplo é o site www.quantocustaumaplicativo.com que é uma espécie de briefing, com perguntas simples que ajudam a calcular o custo para a criação de um aplicativo. Você pode até se inspirar nestes exemplos para criar um formulário com perguntas mais relacionadas às suas habilidades e experiências. No caso do desenvolvimento de sites, você pode adicionar opções de aplicações, versões para desktop e mobile e até incluir o serviço de hospedagem.

3 erros para evitar na negociação de um site

1) Não entender o objetivo do cliente

Muitas vezes, os clientes têm a necessidade de desenvolver um site, mas não sabem qual é o formato mais indicado para cada tipo de negócio. Portanto, cabe a você desenvolvedor explicar as diferenças entre modelos e formatos, como site institucional, e-commerce, one page, blog e site gerenciável, por exemplo. Para isso é fundamental entender o objetivo do cliente e direcioná-lo para a melhor opção, inclusive orientando sobre SEO, negócios locais e outras funcionalidades que contribuam para os resultados alcançados.

2) Não recomendar outros serviços

Todo site precisa de domínio, hospedagem, painel de controle. Embora tudo isso seja muito comum para desenvolvedores, costuma ser extremamente novo para quem é leigo no assunto. Então, além de descrever os serviços necessários, é importante recomendar os melhores fornecedores. O desenvolvimento de sites pode incluir um pacote completo de serviços e esses custos podem ser contemplados no seu próprio orçamento. Tudo o que simplifica a vida do cliente tende a ser bem-vindo.

3) Não apresentar tendências

Como profissional de tecnologia você está sempre atento às novas tendências do mercado. Então, repasse esse conhecimento aos clientes. Mesmo que a demanda se limite ao desenvolvimento de sites, você deve ressaltar a importância de projetos responsivos, da velocidade de carregamento, da disponibilidade do site e até de conteúdos voltados para as ferramentas de busca.

Dicas para incrementar o seu orçamento

Você já conhece a Revenda de Hospedagem? É uma alternativa para criar a sua própria empresa de hospedagem, por meio da parceria com uma empresa já reconhecida e estabelecida no mercado como a HostGator. Como revendedor o seu papel é gerenciar os planos dos seus clientes, enquanto a HostGator cuida da infraestrutura e estabilidade da sua revenda.

Com um único plano você pode hospedar vários sites e gerenciar as contas dos seus clientes. Entre os benefícios estão a garantia de 99,9% de Uptime, Name Servers Privados com base no seu domínio, monitoramento de status do servidor, tudo preparado para várias linguagens de programação, como CGI, Fast CGI, PHP 5.6+, Ruby (on Rails), Perl, Python, entre outras.

Você já oferece serviços adicionais aos seus clientes? Compartilhe conosco como tem sido essa experiência.

Tags:, ,
Comentários