SEO e UX: como as disciplinas se relacionam

Como as disciplinas de SEO e UX formam uma dupla imbatível

Escrito por

terça-feira, 4 de junho de 2019 | Comentários

SEO aborda um universo grande de disciplinas e possíveis estratégias, e uma delas é UX. Isso porque, acima de tudo, SEO é sobre experiência de busca.

Parece batido dizer, mas faz tempo que SEO não é mais apenas palavras-chave, ajustes simples e conteúdo. O comportamento de busca evoluiu, os buscadores evoluíram e as estratégias de Search também.

O User Experience tem muito a somar em estratégias de otimização de sites, e por isso vamos entender como essa dupla pode ser um ponto diferencial.

O que é UX?

User Experience, ou Experiência do Usuário, é a disciplina que tem o usuário no centro das ações, tentando entender toda sua interação com um produto, marca ou serviço. Entendendo melhor todo esse comportamento de uso, o UX trabalha para entregar um produto mais fácil e interativo possível para o cliente.

Ainda muito ligado ao Design, o UX é uma área cada vez mais evidente e que transcende o digital. Faz até mais sentido dizermos que foi incorporada ao digital analisando com o ponto de vista de um produto.

Pode não parecer, mas é cada vez mais normal a preocupação das marcas em proporcionar melhores experiências aos seus clientes. E isso já não é um ponto fora da curva, mas sim uma obrigação para quem desejar competir em seus mercados.

O UX vai além do valor monetário do produto ou serviço, pois se preocupa em valorizar e resolver o problema dos seus usuários através de uma interface e experiência que faça sentido e seja atraente ao mesmo tempo.

Como disse o Diego Motta neste post sobre UX Design, sua marca, serviço ou produto “precisa ser útil para as pessoas, precisa ser fácil de usar e precisa ser sexy, ou seja, bonito, atraente, desejável”.

Usabilidade e Acessibilidade

Assim como o SEO, o UX engloba outras disciplinas para formar seu todo, somando a si tudo que pode contribuir para uma melhor experiência de uso. Todas são especiais, mas vou falar aqui de duas: Usabilidade e Acessibilidade.

As disciplinas transitam por UX de uma forma tão fluida que parecem ser a mesma coisa para muitos. Mas vamos a suas definições:

  • Usabilidade é um conjunto de padrões e boas práticas para avaliar como os usuários utilizam um produto para completar um determinado objetivo. Através de mensuração e acompanhamento é avaliado com qual facilidade os usuários aprendem a usar tal produto.
  • Acessibilidade é a forma como qualquer pessoa, independente de sua condição ou necessidades especiais, acessa, usa e se beneficia de algo. Levando para o cenário digital, podemos dizer que se refere a quanto um produto é acessível a todos de forma igual, tornando-o mais democrático.

Notou a relação entre elas? Todas convergem para o usuário e suas interações com uma propriedade, um site, por exemplo.
São regras, análises e estudos acerca do uso e melhorias que possam ser feitas para o usuário atingir seu objetivo da melhor maneira possível através de uma ótima experiência.

Como UX se relaciona com SEO

Peter Morville propôs 7 fatores base da Experiência do Usuário, um conjunto chamado de UX Honeycomb: Útil, Utilizável, Desejável, Acessível, Confiável, Encontrável, Valioso.

honeycomb de Peter Morville

Analisando o cenário de uma propriedade digital do macro para o micro, ou seja, da internet para o site, conseguimos encaixar alguns destes fatores durante o percurso.

O primeiro é Encontrável que é o objetivo (de forma simplória) de uma estratégia de SEO: ser encontrado.

Na sequência podemos ter Acessível, onde a acessibilidade web entra em cena. Um site deve ser acessível a todos usuários, independente das condições. Uma missão que vai desde o buscador até o site, pois devem se disponibilizar de forma democrática a todos.

Temos então o Utilizável que determina se o site funciona da forma que o usuário espera. Em outras palavras, o site entrega o que promete? Tem valor para o usuário?

Ainda poderíamos encaixar elementos como Confiança para sites seguros, Valioso para sites que tem valor agregado.

É possível analisar diversos aspectos da UX Honeycomb que fazem total sentido para SEO. E isso é só uma pequena parte dessa relação.

Evolução dos algoritmos do Google

Para melhorar esse pensamento, vamos rever alguns pontos importantes na evolução dos algoritmos do Google, o gigante das buscas.

Diariamente são lançados updates dos algoritmos com o objetivo de aperfeiçoar o mecanismo e melhorar a experiência de busca. Porém existem updates de destaque ao longo dos anos.
updates do algoritmo do google

  1. Tivemos a Panda em 2011, que demonstrou uma grande preocupação do Google quanto a conteúdo de qualidade.
  2. A Hummingbird de 2013 foi uma evolução considerável do algoritmo na busca por uma melhor experiência do seu produto. A partir dela o Google começou a entender melhor o contexto, intenção de busca e histórico do usuário para apresentar conteúdos altamente relevantes, deixando de lado o foco apenas em uma palavra-chave.
  3. O SSL Update, em 2014, trouxe um peso muito grande em relação a segurança do usuário nos sites. O Google começou a considerar o protocolo HTTPS como fator de rankeamento oficial. Através de certificado SSL os sites podem oferecer um ambiente mais seguro e criptografado ao seus visitantes, principalmente na troca de informações.
  4. Outro update com peso em UX foi o Mobile Friendly de 2015.  O algoritmo passou a priorizar sites com experiência amigável em dispositivos móveis. UX foi importante para equalizar o uso entre mobile e desktop e fornecer a visão necessária para se adaptar.
  5. Tivemos a integração de uma inteligência artificial ao algoritmo, o Rankbrain de 2015. Utilizando machine learning e AI o algoritmo passou a aprender o comportamento de busca e suas semânticas, oferecendo resultados assertivos.
  6. Tivemos muitos outros updates, como o Fred de 2017 e outros mais recentes como o de Março de 2019. Mais observando o objetivo de cada update é clara a preocupação em melhorar a vida dos usuários.

Se os algoritmos evoluem nesse caminho, as estratégias se adaptam e seguem a mesma linha. Isso levou SEO para um patamar ainda maior ao longo dos anos.

A Otimização de Sites e a Experiência de busca

SEO passou a comportar naturalmente (e por necessidade) disciplinas como UX porque, como dito antes, SEO é sobre experiência de busca. Todo passo de uma pesquisa faz parte de uma experiência.

Por ser tão natural em nosso dia a dia, a experiência da pesquisa não é percebida. O Google recebe +70 milhões de consulta por segundo, segundo o Internet Live Stats.

O Google define sua missão da seguinte forma:

Nossa missão é organizar as informações do mundo para que sejam universalmente acessíveis e úteis para todos.

Reparem, “organizar” para que sejam “universalmente acessíveis”. Organização e acessibilidade. O principal motor de busca do mundo preza pela experiência, fornecendo features, evoluindo layout, usabilidade e organizando as informações num grande índice que tenta ser mais útil possível para as dores dos seus usuários.

No ambiente do site temos que proporcionar uma ótima experiência também:

  • Site acessível em qualquer dispositivo
  • Entregar uma experiência rápida e segura
  • Conteúdo que resolva uma dor, bem escrito e fluído
  • Navegação clara e fácil de utilizar

Todos os esforços são direcionados ao usuário para que possamos ter um tráfego qualificado, gerar leads, compras e afins. SEO evoluiu a ponto agregar um completo hub de práticas e táticas focadas no usuário e não apenas nos robôs.

Otimize seu site para o usuário

Se o seu objetivo de SEO é ter melhor conteúdo, vender para o cliente certo, gerar leads qualificados ou alavancar seu site de alguma forma, você deve oferecer a melhor experiência a sua audiência.

A Experiência do Usuário sempre foi importante, indo do design para uma função primordial, atuando de forma mais efetiva no marketing digital e em áreas como SEO.


Dedique a atenção devida a todos os aspectos na otimização do seu site, incluindo UX, Usabilidade, Acessibilidade e tenha como um dos focos o usuário.

Tem dúvidas? Mande nos comentários abaixo e fique de olho em nosso blog para mais dicas de Otimização de Sites.

Tags:,
Comentários
Pressione Enter para pesquisar ou ESC para fechar